Um milhão de amigos




Um milhão de amigos

[Não atribuída]

Eu quero apenas olhar os campos,
eu quero apenas cantar meu canto.
Eu só não quero cantar sozinho,
eu quero um coro de passarinhos.
 
Quero levar o meu canto amigo
a qualquer amigo que precisar,
eu quero ter um milhão de amigos
e bem mais forte poder cantar.
(bis)
 
Eu quero apenas um vento forte,
levar meu barco num rumo norte.
E, no caminho, o que eu pescar,
quero dividir quando lá chegar.
 
Eu quero crer na paz do futuro,
eu quero ter um quintal sem muro.
Quero o meu filho pisando firme,
cantando alto, sorrindo livre.
 
Eu quero o amor decidindo a vida,
sentir a força da mão amiga,
o meu irmão com sorriso aberto.
Se ele chorar, quero estar por perto.
 
Venha comigo olhar os campos,
cante comigo também um canto.
Eu só não quero cantar sozinho,
eu quero um coro de passarinhos.

si7 mi…
Eu quero apenas olhar os campos,
eu quero apenas cantar meu canto.
Eu só não quero cantar sozinho,
eu quero um coro de passarinhos.
 
la mi
Quero levar o meu canto amigo
si7 mi
a qualquer amigo que precisar,
la mi
eu quero ter um milhão de amigos
si7 mi
e bem mais forte poder cantar. (bis)
 
Eu quero apenas um vento forte,
levar meu barco num rumo norte.
E, no caminho, o que eu pescar,
quero dividir quando lá chegar.
 
Eu quero crer na paz do futuro,
eu quero ter um quintal sem muro.
Quero o meu filho pisando firme,
cantando alto, sorrindo livre.
 
Eu quero o amor decidindo a vida,
sentir a força da mão amiga,
o meu irmão com sorriso aberto.
Se ele chorar, quero estar por perto.
 
Venha comigo olhar os campos,
cante comigo também um canto.
Eu só não quero cantar sozinho,
eu quero um coro de passarinhos.



Deixe uma resposta