Pedras do caminho

Pedras do caminho
Focolares [Reflexão]

Hoje alguém falou de ti
Com palavras tão lindas que eu redescobri:
No teu silêncio profundo
Eu quis fugir do mundo, pra me encontrar em ti.

A minh’alma almejava
Desejos infinitos, com sede de amor.
E assim eu fui vagando,
Na firme esperança de um dia te encontrar.
De te encontrar, de te encontrar.

Ô, ô…

Mas as pedras do caminho
Faziam-me parar, mesmo seu eu te amava.
E teu vento, dentro em mim,
Soprava na minh’alma que eu devia andar.
Devia andar, devia andar.

Ô, ô…

Sem áudio disponível

Deixe uma resposta