Dedico-te ó Pai

Dedico-te ó Pai
Ir. Maria Amélia da Costa [Ofertório]

DedFico-Te, ó Pai, este poema
De vB♭ida que em Ti vive felFiz!
||: TB♭oma este pedCaço de Aargila, SenhDmor,
Faz dGmele Tua vCasilha de amFor! :||

Pela vida que me dAmeste e celDmebro no Teu lar
Mil grC7aças e louvor só para TFi!
Porque sempre eu te Aouço constantDmemente a chamB♭ar,
Mil grC7aças e louvor só para TFi!

Pelos irmãos e amigos que estimulam a subida
Mil graças e louvor só para Ti!
Pelo espinho da roseira, o botão, a mão amiga,
Mil graças e louvor só para Ti!

Pelo céu que me envolve e desafia a subir
Mil graças e louvor só para Ti!
Por poder voar mais alto, mesmo depois de cair,
Mil graças e louvor só para Ti

2 comentários a “Dedico-te ó Pai”

Deixe uma resposta