Conta as estrelas do céu

Conta as estrelas do céu
Pe. Nuno Tovar Lemos [Acção de graças, Ofertório]

GA7DD7

Tu, Senhor, sabes bGem o que eu penso e conhA7eces
cada palD7avra antes de eu a dizGer.
Tu conheces minh’alma como a palma dessa TA7ua mão.
Só não entCmaj7endo, Senhor, como sou tEdim7anto p’ra ti
Porque te pGdim7áras quando olhas para mD7im.

Conta as estrelas do cGéu, soma tudo o que Eu já fA7iz por ti.
Cmaj7Antes do mar, antes que houvEdim7esse luar,
Antes do tGdim7empo eu já esperava por tD7i.
Ai se soubesses do amGor, uma só noite, umA7a paixão,
Tu correrCmaj7ias p’ra mim e dançarEdim7ias com a cruz
Coisas da vGdim7ida ao som da Minha cançD7ão.

Vês-me quando caminho, vês-me quando descanso,
Segues atento cada passo que eu der.
Vês-me quando tropeço e nem aí me queres condenar.

Se eu fugisse a voar sobre as asas da aurora
E me escondesse lá nos confins do mar
Mesmo aí, eu sei bem, haverias de me encontrar.

Incontáveis, ó Deus, os mistérios da vida,
Mais numerosos que as areias do mar.
O mistério maior é mesmo Tu acreditares em mim.

Deixe uma resposta