O auxílio vem-me do Senhor

O auxílio vem-me do Senhor
Glenda Hernandéz [Reflexão, Salmo]

Levanto os meus olhos para os montes,
De onde me virá o auxílio?
O auxílio vem-me de Ti,
Que criaste o céu e a terra!

Não permitirá que resvale o meu pé,
O meu guardião não dorme,
O meu guardião não dorme! (bis)
Não dorme nem repousa o guardião de Israel!
Não dorme nem repousa o meu guardião!

O Senhor está à minha direita,
O Senhor me livra de todo o mal.
De dia o sol não me fará mal, nem a lua de noite.
De dia o sol não me fará mal, porque ele:

mi-
Levanto os meus olhos para os montes,
do si7
De onde me virá o auxílio?
la-
O auxílio vem-me de Ti,
mi- si7
Que criaste o céu e a terra!

sol re
Não permitirá que resvale o meu pé,
mi-
O meu guardião não dorme,
sol
O meu guardião não dorme! (bis)
la- mi-
Não dorme nem repousa o guardião de Israel!
la- si7
Não dorme nem repousa o meu guardião!

O Senhor está à minha direita,
O Senhor me livra de todo o mal.
De dia o sol não me fará mal, nem a lua de noite.
De dia o sol não me fará mal, porque ele:

2 comentários a “O auxílio vem-me do Senhor”

Deixe uma resposta