Abraça a cruz (Se queres vir comigo)

Abraça a cruz (Se queres vir comigo)
Sofia Fernandes [Final]

Há um mundo inteiro que chama por ti,
Precisa das tuas mãos p’ra construir;
Como podes ficar sentado,
À espera que a vida te apanhe,
E te leve numa onda qualquer;
Quando tu podes ser diferente,
Quando tu podes ser sinal
De uma nova esperança…

Se queres vir comigo,
Se procuras a vida,
Toma a tua cruz,
Toma a tua cruz!
Se queres vir comigo,
Se procuras a vida,
Abraça a tua cruz
E vem comigo ser luz.

Como podes ser feliz e livre,
Se o teu sorriso fica escondido;
Se ele não é solto
Para aquecer a alma
De alguém que está sozinho;
Porque só fazes sentido
Quando és sentido com alguém,
Não te deixes ficar e vem!

mi- do sol re
Há um mundo inteiro que chama por ti,
mi- do sol re
Precisa das tuas mãos p’ra construir;
mi- do
Como podes ficar sentado,
sol re
À espera que a vida te apanhe,
do re sol re
E te leve numa onda qualquer;
mi- do
Quando tu podes ser diferente,
sol re
Quando tu podes ser sinal
do re sol re
De uma nova esperança…

sol re
Se queres vir comigo,
do
Se procuras a vida,
sol re
Toma a tua cruz,
do re
Toma a tua cruz!
sol re
Se queres vir comigo,
do
Se procuras a vida,
sol re
Abraça a tua cruz
do re sol re do
E vem comigo ser luz.

Como podes ser feliz e livre,
Se o teu sorriso fica escondido;
Se ele não é solto
Para aquecer a alma
De alguém que está sozinho;
Porque só fazes sentido
Quando és sentido com alguém,
Não te deixes ficar e vem!

4 comentários a “Abraça a cruz (Se queres vir comigo)”

Deixe uma resposta